Notícias
Destaques
Artigos
Outros mercados
Banco de imagens
Banco de oportunidades
Guia de Marcas
Newsletter
Quem somos
Contactos

PUB
MercadoL.Branca/PAEMultimédiaExclusivos
2014-12-15

Sendo as redes sociais uma fortíssima tendência de aproximação do consumidor, analisámos as movimentações das maiores insígnias portuguesas. Numa análise de Pages Performance do Facebook, comparámos as movimentações da Fnac, Media Markt, Rádio Popular e Worten no periódo de 1 de janeiro a 30 de Setembro.

A Worten lidera claramente em número global de seguidores com 809.402 fãs a 30 de Setembro. Em contrapartida, a Media Markt é a última insígnia da tabela, não chegando aos 25% do número total de fãs da Worten. A Rádio Popular lidera, com 44,16%, o capítulo dos novos seguidores no período analisado, enquanto a Worten contou com apenas 9, 94% de novos fãs.

Ainda que o mural do Facebook da Worten se revele o mais activo, liderando nos likes e comments, no que toca ao “talking about”, a página da Fnac está muito próxima da da Worten, com apenas menos 11,20%.

Leia o artigo desenvolvido na revista impressa nº 51.

PUB
2014-10-22

Das newsletters Revismarket enviadas para o mercado em Novembro de 2014, aqui fica o top 3 das mais lidas:

1- Media Markt volta a apostar em campanha Black Friday

2- Brandt relançada em Portugal em 2015

3- Miele apresenta o seu novo modelo de negócio

2014-12-11

Facto inegável: o Natal já não é o que era. Contracção económica não se harmoniza em nada com o espírito natalício e, um ano mais, o consumidor português vai ser “obrigado” a fazer contas à vida para esticar ao máximo o seu orçamento.

Facto inegável: apesar de tudo, o Natal ainda é uma das épocas mais fortes de vendas, com a distribuição e fabricantes a lançarem mão de estratégias e acções que possam motivar o consumidor a investir um pouco dos euros que ainda lhes sobram nas boas oportunidades de negócio que apresentam ao mercado. E, no caso muito particular do sector electro, aliando a utilidade do presente ao agradável que sempre é oferecer algo àqueles de que gostamos.

Eis alguns dados do Observador Cetelem que permitem antecipar como poderá ser esta importante época de vendas:

- Tal como no ano passado, os descontos directos nos produtos são a oferta mais valorizada pelos consumidores (68%). O cash back, que consiste no reembolso de parte do valor pago, reúne 42% das preferências e o crédito sem juros interessa a 15%. Ainda que residuais, as mensalidades reduzidas (2%) e o início de pagamento dois meses após a compra (2%) são outras das opções tidas em conta na altura de comprar os presentes de Natal.

- 44% dos portugueses tencionam utilizar cartão de fidelidade nas compras de Natal, um pouco menos do que em anos anteriores.

- Neste Natal, ver nas lojas é a primeira fonte de informação na decisão de compra para a maioria dos consumidores (75%), à semelhança do que acontecia no ano passado. Apenas 10% dos portugueses pesquisam informação na Internet antes de ver as montras. Outros 27% pesquisam online mas apenas como segunda opção.

- Comparativamente ao ano passado, nota-se agora uma maior intenção de oferecer presentes (79% contra 70% em 2013). As únicas categorias que fogem à regra são os smartphones (6%) e a electrónica de consumo (3%), que se mantém nos valores apresentados em 2013, e os electrodomésticos, cuja intenção de compra para oferta diminuiu mas muito ligeiramente (5% em 2013 versus 4% em 2014).

- Um em cada dez portugueses não vai comprar presentes neste Natal.

- 46% dos consumidores tencionam utilizar o subsídio de Natal para comprar presentes, ligeiramente menos do que em 2013 (49%). Em 2011, apenas 9% afirmava não receber subsídio de Natal, valor que chegou agora aos 27%.

- As intenções de gastos com cartão de crédito para compras de Natal aumentaram consideravelmente face a 2013. No ano passado, os portugueses pretendiam gastar, em média, 262 euros com cartão de crédito, valor que subiu agora para os 360 euros, o mais alto em quatro anos. Apesar do aumento do gasto médio, são menos os portugueses com intenção de pagar as compras de Natal com cartão de crédito: apenas 11% pensam fazê-lo, quando em 2013 eram 13%.

- Os consumidores têm intenção de iniciar as compras de Natal mais cedo do que no ano passado. Apesar da generalidade dos consumidores tencionar comprar os presentes um mês antes do Natal, há uma percentagem considerável (28%) que só pensa fazê-lo com duas semanas de antecedência. 13% dos portugueses vão deixar as compras para a semana que antecede a consoada mas 4% já terão comprado os presentes. Uma minoria (2%) tenciona esperar pela época de saldos após o Natal para comprar os últimos presentes.

- Tal como em 2013, as lojas de centros comerciais dominam a preferência dos portugueses (74%), seguidas pelos supesr ou hipermercados (46%) e as lojas de comércio tradicional (40%). Com menos relevância surgem, depois, a loja do chinês (8%), as grandes superfícies especialistas (7%) e as feiras ou mercados (6%). Muito residual é a compra por catálogo (1%) e pela Internet (1%).

- Cerca de 183 euros é quanto os consumidores portugueses contam gastar, em média, nas compras de Natal, depois de em 2013 terem reduzido significativamente as suas despesas. Comparativamente ao ano passado, em que gastaram cerca de 114 euros, houve agora um aumento de 61%.

Para reforçar as vendas de Natal, aqui ficam alguns produtos e campanhas especialmente interessantes para esta época.

Boas vendas!

2014-12-10

Com 800 watts de potência, a torradeira Krups Toast Control Chrome L contém uma fenda extra larga, para qualquer tipo de pão, e um sistema de elevação de torradas. Menos ou mais tostada, só se precisa de regular uma das sete posições do termóstato e esperar que a torradeira desempenhe a sua função STOP-EJECT. Pão congelado não é um problema graças à sua função de descongelamento automático. Esta torradeira contém, ainda, a função de reaquecimento automático e auto-centragem de pão.

Em inox escovado, a Krups Toast Control Chrome L garante uma tostagem eléctrica controlada e mantém as suas paredes frias para que não haja o perigo de queimaduras.

Para acompanhar as torradas nada melhor do que um chá quente. O jarro eléctrico Krups Aqua Control Inox, com 2.200 watts de potência, tem capacidade para 1,6 litros. Para garantir a segurança de utilização, a luz piloto estará acesa sempre que o jarro eléctrico estiver a funcionar e desligar-se-á automaticamente com a ebulição. Tem, ainda, uma tampa de encaixe resistente, um gatilho de controlo de saída da água e resistência oculta num fundo em inox. Pode-se também controlar o nivelamento da água através do duplo indicador.

Em inox escovado, o jarro da Krups é elegante e independente da sua base, podendo ser levado para onde se desejar.

PVPR: 62 euros (Toast Control Chrome L); 81 euros (Aqua Control Inox).

2014-12-01

O Groupe Brandt e o Grupo AJPinto deram início a uma parceria comercial, que se traduz na distribuição da marca De Dietrich Electrodomésticos no mercado português. Este acordo, efectivo desde o mês de Outubro, abrange os serviços de assistência técnica. A apresentação formal aos clientes aconteceu no dia 27 de Novembro, no Palácio do Freixo no Porto

Durante o evento e perante mais de uma centena de parceiros, António Pinto, presidente do grupo A.J.Pinto agradeceu o empenho da equipa, dos clientes e dos representantes da marca que se deslocaram propositadamente para a apresentação, Jean de Poncins, director internacional e Madalena Macedo, export área manager. “Contem com a nossa lealdade, serremos sempre iguais á A. J. Pinto” assegurou o presidente do grupo. O director internacional da De Dietrich brindou com António Pinto ao "retorno a casa" da marca em Portugal.

Leia o desenvolvimento da notícia aqui e veja as imagens no banco de imagens Rm

2014-11-18

Das newsletters Revismarket enviadas para o mercado em Outubro de 2014, aqui fica o top 3 das mais lidas:

1- Aliança internacional entre Auchan e Grupo Metro exclui electrónica de consumo

2- Groupe Brandt e AJPinto acordam parceria para a distribuição da De Dietrich em Portugal

3- Vendas a retalho com o maior crescimento em nove meses

2014-11-10

A Miele reuniu recentemente os seus agentes para apresentar o seu novo modelo de negócio em Portugal. Primeiro no Porto e, em seguida, em Lisboa, os clientes Miele ficaram a conhecer um novo programa de parceria, “mais justo e transparente”, que visa recompensá-los com base no seu desempenho.

Desde que assumiu funções, em Abril passado, que Mark Huijsmans, director geral da Miele, se tem dedicado à análise do negócio da empresa alemã em Portugal, concluindo que é hora de adaptar o modelo de negócio à nova realidade portuguesa. “Está na hora de alterar o modelo de negócio existente. O actual foi um óptimo modelo para enfrentar a crise mas agora precisa de ser adaptado às novas premissas de mercado e às necessidades dos consumidores”, avança. “Vamos utilizar um modelo mais sustentável e rentável, para garantir o futuro, usando o sistema que a Miele implementou no resto da Europa”.

Beneficiando da experiência bem-sucedida, ao longo de dois anos, noutros mercados europeus, o novo Programa de Recompensa por Desempenho vem substituir o actual programa Agente Certificado Miele e assenta num sistema transparente que recompensa a performance de cada retalhista, premiando os que mais apoiam a marca. O novo modelo baseia-se em três pilares fundamentais, designadamente a proximidade com os clientes, aumentando o “in-house share” nos parceiros existentes e explorando outras possibilidade de distribuição, a activação da marca, elevando a sua notoriedade nas principais categorias e apresentando um calendário de marketing atractivo, e uma parceria mais simples e transparente, que permita uma cooperação efectiva entre a Miele e os seus parceiros.

Este novo modelo de negócio é, segundo a Miele, mais prático e claro que o actualmente existente. “Define claramente as condições comerciais, de cálculo simples, recompensas e pagamentos. Todos os agentes verão aplicado o mesmo sistema de condições comerciais e mecânica de cálculo. Quem tem o melhor desempenho, tem a melhor recompensa”, explica Jorge Oliveira, Key Account Manager da Miele.

Leia o artigo completo e veja as imagens do evento aqui

2014-10-27

No passado dia 16 de Outubro, o Grupo Candy Hoover reuniu com os parceiros da zona Norte, no hotel Sheraton, no Porto, para lhes dar a conhecer os últimos lançamentos .Num ano em que este tipo de reuniões foi escasso, a marca apostou na interacção pessoal com os pareciros para lhes dar a conhecer as novidades e estratégia de mercado.

Segundo João Paulo Ferreira, Country Manager da Candy Hoover em Portugal, esta foi uma aposta ganha, pois a distribuição mostrou interesse e compareceu. Entre os dois eventos, estiveram presentes cerca de 120 parceiros, representando os varios canais de distribuição. "Ficámos muito orgulhosos da presença dos principais clientes. O feedback foi muito positivo, o que nos deixa confiantes num futuro próximo e no ano de 2015".

2014-10-27

O Groupe Brandt e o Grupo AJPinto vão dar início a uma parceria comercial, que se traduzirá na distribuição da marca De Dietrich Electrodomésticos no mercado português.

Este acordo, efectivo desde o presente mês, abrange os serviços de assistência técnica. A apresentação formal aos clientes será realizada no próximo dia 27 de Novembro.

2014-10-15

As empresas Sonae vão reunir em Lisboa alguns dos maiores especialistas mundiais em tecnologias de informação no Congresso FINCO 2014, com o objetivo de debater como a tecnologia está a mudar a vida das pessoas e das empresas. Sob o tema “IT’s Touching Lives”, o encontro realiza-se nos próximos dias 27 e 28 de outubro, no Campo Pequeno, e reúne cerca de mil quadros de topo de empresas nacionais e internacionais, líderes de opinião, parceiros de negócios, instituições universitárias e organizações na área da tecnologia.

2014-10-15

De acordo com a nova regulamentação da classificação energética, a Tristar apresenta uma gama de seis aspiradores totalmente ajustada á necessidades do mercado. Todos os modelos da gama ECO oferecem alta performance e grantem os melhores resultados com o máximo silencio e economia de energia. A marca investiu no melhoramento do desempenho das escovas e no aumento do poder de sução.

2014-10-15

A Canon Europa anunciou na Security Essen uma nova parceria com a digivod, um fornecedor de vídeo management software (VMS). Esta colaboração vai permitir aos clientes da Canon ter acesso às soluções de alto desempenho da digivod presentes em toda a gama de câmaras de segurança de rede de elevada qualidade, e beneficiar do seu poderoso software de análise de vídeo. No seguimento da crescente procura pelas câmaras de segurança de rede da Canon, esta parceria vai permitir à Canon e à digivod fornecer um sistema de segurança simples, flexível e fiável que pode ser adaptado a todo o tido de negócios, em todos os ambientes, desde retalho, armazéns e petrolíferas.

PUB
Capa da Revista


Mercado

L.Branca/PAE

Multimédia

Exclusivos