Notícias
Destaques
Artigos
Outros mercados
Banco de imagens
Banco de oportunidades
Guia de Marcas
Newsletter
Quem somos
Contactos

PUB
MercadoL.Branca/PAEMultimédiaExclusivos
2014-12-10

A Rússia ultrapassou o Reino Unido, sendo actualmente o segundo país da Europa com maior área de centros comerciais, segundo a nova edição do European Shopping Centre Development, publicado semestralmente pela consultora imobiliária global Cushman & Wakefield (C&W).

França mantém-se como o país com maior área, totalizando 17,6 milhões de metros quadrados de espaço comerciais, seguido da Rússia com 17,5 milhões e Reino Unido com 16,7 milhões.

PUB
2014-12-10

A Amazon lançou uma nova opção de preços, designada de “Faça uma Oferta” (“Make na Offer” no original), que permite aos clientes negociar preços mais baixos em milhares de artigos.

Numa fase inicial, este modelo de preço está disponível em 150 mil produtos (www.amazon.com/makeanoffer). Em 2015, a opção será ampliada a outros milhares de produtos.

2014-12-10

A insígnia polaca da Jerónimo Martins seguiu o exemplo do Lidl e lançou a sua nova MDD La Speciale, posicionada no segmento premium.

Composta inicialmente por 50 produtos, incluindo peixe, carne, patés, queijo, café, chá, compotas, massa e doces, entre outros, a marca La Speciale vai ser expandida a outras categorias nos próximos meses.

2014-12-03

A Tesco inaugurou recentemente a sua loja localizada no centro comercial Letnany, em Praga, na República Checa, após uma renovação que a transforma na sua “flagship store” europeia.

Segundo Ken Towle, director geral da Tesco na Europa, o ponto de venda reúne o melhor de cada loja Tesco no mundo, assim como vários elementos para melhorar a experiência de compra dos clientes, como a zona de restauração, áreas dedicadas às crianças, a loja de moda F&F, que se estreia, assim, fora do mercado britânico, e a primeira Sala da Comunidade na Europa Central.

2014-12-03

Nos 22 mercados europeus que participaram no estudo, o painel de consumidores revela que o folheto publicitário continua a ser um dos meios preferidos para saber mais sobre ofertas de retalho. Em Portugal, a maioria dos consumidores (62%) prefere o folheto publicitário, seguido da publicidade online (50%) e TV (47%). Esta é a conclusão de um estudo sobre a relevância do folheto publicitário da ELMA (European Letterbox Marketing Association).

As respostas indicam também o folheto publicitário como um meio informativo preferencial em Portugal, sendo que 50% dos consumidores portugueses afirmam ter conhecimento de promoções através de folhetos, sobre as quais de outra forma não teriam conhecimento. Por sua vez, 60% concordam que o folheto publicitário já os levou a considerar produtos que antes não tinham em mente.

2014-12-03

Neste Natal, ver nas lojas é a primeira fonte de informação na decisão de compra para a maioria dos consumidores (75%), à semelhança do que acontecia no ano passado (68%). Tal como em 2013, apenas 10% dos portugueses pesquisam informação na Internet antes de ver as montras. Outros 27% pesquisam online mas apenas como segunda opção. Estas são conclusões do mais recente estudo do Observador Cetelem, que analisou as intenções de compra dos portugueses para este Natal.

Os indivíduos mais jovens, entre os 18 e os 24 anos, são os consumidores que mais aderem à pesquisa online (17%). No outro extremo estão os inquiridos mais velhos, entre os 55 e os 65 anos, que pouco recorrem à Internet para obter informações sobre os produtos: apenas 2% declara fazê-lo. A pesquisa online conquista também mais consumidores nas classe mais altas (22%) do que nas classe mais baixas (2%).

2014-12-03

O Carrefour abriu a sua primeira loja de conveniência na China, mais precisamente em Xangai, sob a insígnia Easy.

O Carrefour entra assim num formato que está a crescer fortemente no mercado chinês, fruto da maior urbanização e do aumento dos rendimentos. Segundo a IGD, em 2013, as principais 45 cadeias de conveniência na China apresentaram uma taxa de crescimento de 16%, acima dos 10% reportados pelo mercado.

2014-12-03

De acordo com o Observador Cetelem, 53% dos portugueses tencionam oferecer vestuário e 44% pensam dar brinquedos como presente neste Natal. Comparativamente ao ano passado, nota-se agora uma maior intenção de oferecer presentes (79% contra 70% em 2013). O mesmo estudo revela também que a intenção de comprar presentes para os outros aumentou em praticamente todas as categorias de consumo.

As únicas categorias que fugiram à regra foram os smartphones (6%) e a electrónica de consumo (3%), que se mantiveram nos valores apresentados em 2013, e os electrodomésticos, cuja intenção de compra para oferta diminuiu mas muito ligeiramente (5% em 2013 versus 4% em 2014). Depois do vestuário e dos brinquedos, na lista de categorias com maior intenção de compra para oferta surgem os produtos culturais (32%), os perfumes e relógios (29%) e os artigos de desporto (25%).

2014-12-03

A loja Lidl de Famalicão-Ribeirão abriu portas e, de entre as melhorias apresentadas, destacam-se a nova padaria, novos equipamentos, nova iluminação e nova imagem interior, bem como melhoramentos no espaço exterior.

Localizada na freguesia de Ribeirão, no concelho de Vila Nova de Famalicão, esta loja tem 1.000 metros quadrados. Ainda no concelho de Famalicão funcionam mais duas lojas e o entreposto de armazenamento que abastece as lojas Lidl de toda a região norte de Portugal, empregando um total de 235 colaboradores no concelho.

2014-12-03

O estudo levado a cabo pela MasterCard a nível europeu revela que quase um terço dos europeus acreditam que oferecer dinheiro no Natal pode ser uma atitude impensada e um sinal de indiferença. O estudo envolveu entrevistas a mais de 15.000 pessoas em 17 países, com o objectivo de saber do que é que gostamos ou detestamos quando oferecemos e recebemos presentes e se a nossa dedicação é afectada quando estamos com pouco tempo.

Apesar de tudo, 87% dos cidadãos europeus tenta sempre perceber o que é que os presenteados realmente desejam e 86% tentam sempre ser imaginativos na altura de uma compra. Com apenas um consumidor em cada dez a admitir oferecer dinheiro como presente.

2014-12-03

A Sonae recebeu o Consumer Goods Forum no seu “Hipermercado do Futuro”, em Cascais, contando com a participação de especialistas de retalhistas e produtores oriundos de países como a Suíça, o Japão, a Noruega e os Estados Unidos da América, entre outros.

Os participantes no encontro de Cascais tiveram a oportunidade de visitar e conhecer o conceito “Hipermercado do Futuro” adoptado no Continente de Cascais. Segundo David Alves, CIO da Sonae, “o formato pretende ir ao encontro das necessidades e expectativas de um consumidor que, para além de enfrentar sérios constrangimentos de tempo, se revela cada vez mais exigente e atento às tendências de consumo, tanto nacionais como internacionais.”

2014-12-03

O grupo retalhista Dia vendeu, por 283,2 milhões de euros, atotalidade do capital social da sua filial em França, após obtida aprovação das autoridades da concorrência, segundo o jornal Cinco Días.

O valor da aquisição, ainda sujeito a ajustes, deve resultar num encaixe de 265 milhões de euros.

Em Julho, o Dia tinha acordado com o Carrefour a venda dos seus negócios em França.

No final de 2013, o retalhista possuía uma rede de 865 pontos de venda em França.

Com a cortesia da Grande Consumo.

PUB
Capa da Revista


Mercado

L.Branca/PAE

Multimédia

Exclusivos