Notícias
Destaques
Artigos
Banco de imagens
Parceiros
Guia de Marcas
Newsletter
Quem somos
Contactos

PUB

O que nos reservam as vendas de Natal de 2015?
2015-11-26

Aproxima-se uma das mais fortes épocas de vendas do ano, senão a mais forte. As campanhas estão a ser lançadas, as promoções afinam-se, realizam-se ações nos pontos de venda. Os fabricantes destacam as suas mais recentes novidades.

Mas e o consumidor? O que nos reserva o “shopper” para o Natal de 2015. Veja aqui algumas tendências destacadas pelo Observador Cetelem:

- Em 2015, a intenção de utilizar o cartão de crédito para pagar as compras de Natal aumentou. Em 2014, 11% dos portugueses com cartão de crédito tencionavam utilizá-lo como forma de pagamento. Este ano, a percentagem chega aos 18%;

- O montante a ser pago com cartão de crédito também aumentou consideravelmente, tendo passado dos 360 para os 444 euros, o valor mais alto dos últimos cinco anos;

- Os indivíduos entre os 35 e 44 anos são os consumidores que mais possuem cartão de crédito (45%). No entanto, os inquiridos com maior intenção de utilizar essa forma de pagamento nas compras de Natal têm entre 25 e 34 anos (32%);

- Este ano, a maioria dos portugueses (30%) prevê comprar os primeiros presentes de Natal um mês antes da consoada ou duas semanas antes (28%). Ainda assim, 4% dos consumidores anteciparam-se e já começaram a comprar os presentes;

- As lojas de centros comerciais dominam a preferência dos portugueses (75%). Face a 2014, as lojas de comércio tradicional (38%) ultrapassaram os super ou hipermercados (37%);

- As grandes superfícies especializadas adquirem importância: a intenção de comprar nestes espaços duplicou, tendo passado dos 7% para os 14%. Com menos relevância surgem depois a loja do chinês (8%) e as feiras ou mercados (7%). Menos frequente ainda é a compra de presentes através da venda direta ou por catálogo (3%) e na Internet (1%);

- É o valor mais alto apontado pelos portugueses nos últimos cinco anos. Os consumidores vão gastar, em média, 241 euros em presentes.

Apresentado o retrato do consumidor, conheça abaixo algumas das propostas das marcas para este Natal.

PUB
Capa da Revista



Mercado

L.Branca/PAE

Multimédia

Exclusivos