Notícias
Destaques
Artigos
Banco de imagens
Parceiros
Guia de Marcas
Newsletter
Quem somos
Contactos

PUB

Siemens Portugal fecha ano com 433,4 milhões de euros em novas encomendas
2018-03-12

A Siemens Portugal vai reforçar a sua equipa durante o ano fiscal de 2018, que começou em outubro. A empresa, para fazer face ao crescimento que projeta para este ano, criou 240 novos postos de trabalho altamente qualificados, em Tecnologias de Informação, engenharia e serviços financeiros e de gestão, para os quais já está a recrutar.

Já no ano passado, a empresa tinha reforçado a sua equipa, com a contratação de 253 novos colaboradores, tendo terminado o ano fiscal de 2017, com um total de 2022 colaboradores.

Este crescimento foi sustentado pelo bom desempenho da empresa no ano fiscal de 2017. A Siemens Portugal, no ano que terminou a 30 de setembro de 2017, registou encomendas de 433,4 milhões de euros, representando um incremento na ordem dos 10%.

A empresa tem em Portugal centros de competências de engenharia e de tecnologias de informação e vários centros de serviços partilhados que operam em áreas como as energias renováveis, mobilidade elétrica, indústria e infraestruturas. Estas unidades exportam serviços e competências de engenharia para clientes em 37 países e empregam diretamente 1080 pessoas. A boa performance destas unidades contribuiu para que, no período em análise, a Siemens Portugal tenha duplicado o seu lucro líquido, tendo este ficado nos 15,3 milhões de euros.

“Atualmente, já temos em carteira encomendas no valor de 850 milhões de euros, perspetivando que esse valor possa chegar aos 900 milhões de euros até ao final do ano. São resultados como estes que nos dão a segurança e a confiança de que precisamos para continuar a investir no país”, disse Pedro Pires de Miranda, Presidente Executivo da Siemens Portugal.

2017 foi também o ano em que a Siemens Portugal reforçou a sua projeção internacional, com as exportações a ultrapassarem, pela primeira vez, os 100 milhões de euros, representando um aumento de 30% face ao período homólogo.

Para 2018, a Siemens Portugal acredita que a digitalização será um dos grandes motores de crescimento da economia nacional. E uma das grandes aposta da empresa estará em acompanhar as Pequenas e Médias Empresas nesta transformação digital, influenciando assim positivamente o desenvolvimento do país.

PUB
Capa da Revista



Mercado

L.Branca/PAE

Multimédia

Exclusivos