Notícias
Destaques
Artigos
Banco de imagens
Parceiros
Guia de Marcas
Newsletter
Quem somos
Contactos

PUB

Dados GfK TEMAX®: 1º trimestre de 2015 - Todas as áreas de Produtos Tecnológicos em Portugal (TCG)
2015-05-28

O Mercado de Produtos Tecnológicos em Portugal (TCG) mantém a tendência positiva neste primeiro trimestre, com um crescimento de três por cento, impulsionado pela Telecom e Pequenos Eletrodomésticos, revela o estudo GfK TEMAX®. As restantes áreas mantêm-se negativas, nomeadamente a Eletrónica de Consumo, IT, Foto e os grandes Eletrodomésticos. O principal motivo de preocupação remete para a recuperação frágil do TCG, tendo em consideração que apenas a Telecom continua com um forte crescimento. O mercado atingiu os 578 milhões de euros no primeiro trimestre, deixando uma grande expetativa sobre a evolução no segundo trimestre.

Telecomunicações: Smartphones continuam a liderar

No primeiro trimestre de 2015 assistimos ao setor das Telecomunicações superar o período homólogo em termos de faturação (195 milhões de euros contra 142 milhões). Os Smartphones continuam a ser o driver deste setor, que no seu todo apresenta uma tendência crescente relativamente ao período homólogo de 27 por cento em valor. De realçar o facto dos Phablets, Smartphones com dimensão de ecrã entre 5,5’’ e 6,9’’, terem registado uma quebra de oito por cento no primeiro trimestre deste ano. No total deste primeiro trimestre, perderam importância relativamente ao ano passado, pois passaram de sete por cento em valor do setor das Telecomunicações para cinco por cento.

Eletrónica Consumo: Soundbars e Action Cams com valores positivos

A exemplo do que aconteceu no último trimestre de 2014, este primeiro trimestre do novo ano manteve a tendência de quebra em relação ao período homólogo.

Os produtos de Loudspeakers e Action Cams são os únicos segmentos a apresentar tendências positivas e na ordem dos dois dígitos. Contrariando esta tendência, destacam-se pela positiva as Colunas HIFI e as Action Cams.

As Action Cams continuam em alta. Este segmento de Câmaras de Vídeo vendeu no 1.º trimestre de 2015 mais do dobro face ao mesmo período do ano passado.

Já as Colunas HIFI apresentam um crescimento de 21 por cento no 1.º trimestre do ano, sendo que o segmento que aqui se destaca é o das Soundbars que continuam a dar cartas, representando já cerca de 60 por cento da faturação total das Colunas, face aos 40 por cento que representavam em 2014.

Fotografia: A queda continua

Depois de um ano difícil, o mercado de fotografia continua a apresentar uma tendência de quebra, embora não tão acentuada, neste primeiro trimestre.

Por trás disto está a oferta cada vez maior de equipamentos capazes de tirar fotografias e mesmo com ótima qualidade.

As vendas de grandes domésticos abrandaram no final de 2014 e este primeiro trimestre continuaram a cair, tendo registado uma quebra de quatro por cento, sendo que se registou uma queda forte no preço médio que justifica a maior parte desta quebra. As tendências foram semelhantes nos produtos de lavagem e nos de cozinhar, bem como entre os de instalação livre e de encastrar.

Pequenos Eletrodomésticos: Todos somos Masterchefs

Os pequenos eletrodomésticos afirmam-se como uma das poucas áreas que consegue manter uma tendência positiva, e tiveram um 1.º trimestre que mantêm o crescimento que tinha registado no total do ano anterior, com a maioria dos produtos em crescimento. Praticamente todas as categorias cresceram, mas a preferência dos consumidores continuam a balançar entre alguns produtos de uso pessoal, como os modeladores de cabelo e os produtos da cozinha, como as Maquinas de café, as fritadeiras, liquidificadoras, que têm crescimentos mais pronunciados.

Tecnologias de Informação: PC Portáteis representam metade do mercado

O sector da Informática caiu 12 por cento em valor neste trimestre relativamente ao seu período homólogo. A contribuir com uma tendência de três por cento em valor, os PC’s Portáteis são o produto com melhor performance deste mercado. Por outro lado, os Tablets registaram neste trimestre, uma queda de 30 por cento em valor. De destacar ainda, no mercado de Informática em Portugal, o crescimento de um por cento em valor dos Monitores. Neste primeiro trimestre há que salientar a importância dos PC’s Portáteis, que valeram mais de 50 por cento em valor do setor da Informática.

Office Equipment: Tendência positiva

Relativamente ao mercado de Office Equipment, há que destacar o crescimento de oito por cento em valor face ao período homólogo. A estabilidade deste mercado tem sido a nota dominante. De destacar o peso das Impressoras Multifuncionais, 19 por cento em valor no primeiro trimestre deste ano. Num total de 24 M€ de faturação neste primeiros três meses, a par com os Tinteiros, perfazem cerca de 97 por cento deste mercado em valor.

PUB
Banco de imagens



Mercado

L.Branca/PAE

Multimédia

Exclusivos